Day Use: Nova tendência no setor hoteleiro ganha força
Edgar J. Oliveira em 01/04/2024

Day Use: Nova tendência no setor hoteleiro ganha força

O setor hoteleiro está passando por diversas transformações nos últimos anos, uma das novidades que tem crescido e ganhado espaço dentro da hotelaria tem sido impulsionada pelo crescente interesse pelos serviços de “day use”. Essa modalidade, que permite aos clientes usufruírem das instalações do hotel durante o dia sem precisar passar a noite, está ganhando popularidade entre viajantes e residentes locais em busca de momentos de relaxamento e lazer. Anteriormente considerada uma prática ocasional, o day use funciona como uma espécie de “microestadia”, oferecendo uma alternativa econômica para aqueles que desejam desfrutar das comodidades de um hotel por um curto período. Os valores praticados podem ser até 70% mais baixos do que uma diária tradicional, tornando-se uma opção acessível para diversos públicos. Além disso, o day use não só beneficia os clientes em busca de lazer, mas também traz vantagens para os hotéis. Em épocas de baixa temporada, essa…

Turismo do Sono é um mercado em ascensão na hotelaria
Edgar J. Oliveira em 01/04/2024

Turismo do Sono é um mercado em ascensão na hotelaria

O sono, um componente essencial da nossa rotina diária, muitas vezes é subestimado em meio às demandas da vida moderna. No entanto, sua importância para a saúde física, mental e emocional é inegável. A qualidade do sono não se resume apenas a dormir por uma determinada quantidade de horas, mas também à profundidade e eficácia desse descanso. Infelizmente a população em geral não tem conseguido ter uma boa noite de sono. De acordo com estudos da Fiocruz - Fundação Oswaldo Cruz, 72% dos brasileiros sofrem de doenças relacionadas ao sono, entre elas, a insônia. O estudo “Qualidade do sono na população geral brasileira: um estudo transversal”, que envolveu membros da Associação Brasileira do Sono, analisou o sono de adultos de várias regiões do País. Os pesquisadores observaram que, a partir de uma série de queixas, 65,5% deles puderam ser classificados como “maus dormidores”.

Governantes hoteleiros: Uma profissão imprescindível para os hotéis
Edgar J. Oliveira em 01/04/2024

Governantes hoteleiros: Uma profissão imprescindível para os hotéis

No mercado hoteleiro nacional e internacional há uma profissão muito importante e já consagrada: a de Governanta. Embora o termo geralmente se refira a uma posição ocupada por mulheres responsáveis pela gestão das atividades de limpeza e arrumação em hotéis, é importante reconhecer que homens também podem ocupar esse papel. Nos últimos anos, tem havido uma mudança gradual na percepção tradicional dos papéis de gênero em várias profissões, incluindo a indústria hoteleira. Portanto, é possível encontrar homens trabalhando como Governantes em hotéis, desempenhando as mesmas funções e responsabilidades que suas colegas do sexo feminino, embora ainda possa haver uma predominância de mulheres nessa posição.

Mulheres vêm conquistando cargos de liderança na hotelaria
Edgar J. Oliveira em 01/03/2024

Mulheres vêm conquistando cargos de liderança na hotelaria

Nos corredores movimentados dos hotéis, onde a hospitalidade e o serviço ao cliente são prioridades, as mulheres desempenham papéis cruciais. No entanto, por trás da cortina de luxo e conforto, persistem desafios significativos que as mulheres enfrentam no segmento hoteleiro. Apesar dos avanços na igualdade de gênero, desde a ocupação de cargos de liderança até a participação ativa em operações diárias, ainda existem obstáculos para serem superados como as questões de preconceitos, diferenças salariais e discriminação no ambiente de trabalho, incluindo estereótipos de gênero que podem limitar oportunidades de avanço na carreira; falta de representação em cargos de liderança; equilíbrio entre trabalho e vida pessoal; assédio sexual e ambiente de trabalho hostil; entre outras coisas.

Segmento hoteleiro deve viver um bom momento em 2024
Edgar J. Oliveira em 01/01/2024

Segmento hoteleiro deve viver um bom momento em 2024

O setor do turismo deve faturar R$ 155,87 bilhões no Brasil nessa alta temporada que iniciou em novembro e vai até o mês de fevereiro. Esse é o resultado de um estudo realizado pela CNC - Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo. Esse valor representa um aumento real de 5,6%, em relação à temporada passada, e a maior movimentação financeira do setor desde o início do levantamento, em 2012. E o segmento hoteleiro deverá se beneficiar desse crescimento e para isso conta com ambiente estável na economia e na política e a demanda reprimida pela pandemia. Independente do meio de hospedagem, a taxa de ocupação se encontra acima dos níveis pré pandemia, assim como houve também uma evolução positiva nas diárias médias. Isso permitiu um avanço importante do revpar (receitas por apartamento), possibilitando a recuperação de parte do fluxo de caixa dos hotéis que foram muito abalados com os dois anos da pandemia.

Multipropriedade consolidada no Brasil atrai players internacionais
Edgar J. Oliveira em 01/01/2024

Multipropriedade consolidada no Brasil atrai players internacionais

Se existe um segmento na hotelaria que continua crescendo de forma vertiginosa é o da multipropriedade. A Caio Calfat Real State Consulting apresentou em maio de 2023 um estudo sobre o cenário de multipropriedade no Brasil. Ele apontou que esse modelo de negócios já está presente em 81 cidades de 19 estados com 189 empreendimentos com um VGV - Valor Geral de Vendas de quase R$ 60 bilhões.

Hotelaria busca novas alternativas para reservas online
Arte Revista Hotéis em 01/11/2023

Hotelaria busca novas alternativas para reservas online

A prática de fazer reservas de hotel online tornou-se um fenômeno global, proporcionando aos viajantes uma ampla gama de opções e a flexibilidade de planejar suas estadias com apenas alguns cliques. Plataformas líderes, como Booking.com, Airbnb e Expedia, dominaram o mercado simplificando o processo de pesquisa, comparação de preços e reserva de acomodações em todo o mundo, reunindo todas essas informações em um só lugar. Isso não apenas economiza tempo para os viajantes, mas também oferece a oportunidade de explorar avaliações e opiniões de outros hóspedes, garantindo uma escolha mais assertiva. Nesse cenário, onde a conveniência do clique redefine a jornada do cliente, os hotéis se deparam com um desafio multifacetado.

Cresce hackeamentos de páginas de redes sociais dos hotéis
Arte Revista Hotéis em 01/11/2023

Cresce hackeamentos de páginas de redes sociais dos hotéis

Cresceu de forma vertiginosa nos últimos anos as páginas falsas ou clonadas no Facebook e Instagram. Grande parte se deve as restrições sanitárias impostas pela COVID-19 que fez com que os usuários aumentassem o relacionamento social como forma de mostrar conquistas, celebrar a vida ou mesmo de interagir com o mundo exterior que impunha restrições. E muitos meios de hospedagem passaram a apostar ainda mais nessas mídias sociais para se relacionar com seus clientes, promover estratégias comerciais, para atraí-los ou mesmo aumentar a relevância. Por motivos óbvios, a hotelaria é dos locais mais procurados pelos usuários de Facebook e Instagram para compartilhar momentos especiais, experiências e exibirem com orgulho a conquista de um novo destino, do lazer e exclusividade em um resort all-inclusive e até da pousada que proporciona uma imersão profunda na natureza. Os usuários das redes sociais passaram a ser, de forma consequente e natural, agentes espontâneos de…

Short term rental: concorrente ou aliado da hotelaria?
Edgar J. Oliveira em 02/10/2023

Short term rental: concorrente ou aliado da hotelaria?

Nos últimos anos, a forma como as pessoas escolhem sua hospedagem durante as viagens está passando por transformações, e um fenômeno tem ganhado cada vez mais espaço no mercado imobiliário e no setor de turismo: os aluguéis de curto prazo, também conhecidos como short term rental. A ascensão das plataformas online de compartilhamento de acomodações, como o Airbnb, transformou a maneira como as pessoas viajam e buscam acomodações. Esse novo paradigma tem gerado debates sobre seu impacto nos mercados locais, na economia e a possível concorrência com a tradicional indústria hoteleira, redefinindo o cenário da hospedagem. Desde o desenvolvimento de novos modelos de short term rental as questões levantadas passam pelos desafios regulatórios e as implicações socioeconômicas no mercado.

Hotelaria aposta no entretenimento infantil como diferencial
Edgar J. Oliveira em 02/10/2023

Hotelaria aposta no entretenimento infantil como diferencial

Após o período já superado da quarentena, a necessidade de novas experiências ao lado dos entes queridos acentuou-se de tal forma que o segmento de lazer iniciou um movimento de crescimento exponencial e natural, em um primeiro momento com as famílias buscando a união entre lazer e trabalho remoto para afastar de vez o clima dos anos anteriores, e depois ancorado pela necessidade de celebração da vida, agradecimento e compartilhamento de momentos. Assim, os meios de hospedagem passaram a apostar em novas atrações de entretenimento, como parques aquáticos indoor, equipamentos para áreas de lazer, monitores de atividades, imersão na natureza e os chamados ‘espaços kids’, direcionados para o entretenimento infanto-juvenil. Mas a verdade é que nenhuma família quer retornar ao seu resort preferido para encontrar as mesmas atividades e atrações ou assistir aos mesmos espetáculos todos os anos. O nível de exigência dos viajantes atuais também se transformou com…